Mais um livro do Andarilho

Permita que o amor invada sua casa, coração

15/10/2012

Um mantra musical à ser recitado toda hora

Cidade Negra é uma daquelas bandas que nunca prestei atenção. Costumava tocar nas rádios quando eu era mais novo, uma tia minha ouvia bastante, alguém gostava de cantar no karaokê, mas só. Nunca fui além disso até alguns meses atrás, quando de uma hora pra outra decidi ouvir uma coletânea dos caras. Não foi em vão. Foi nessa hora que fui fisgado totalmente por essa canção; mais uma daquelas que eu já tinha ouvido milhares de vezes - seus versos do refrão estavam guardados no meu subconsciente - mas nunca me dei ao trabalho de dar a devida atenção. Quando o fiz, a canção não saiu mais do meu player e me faz com que eu a toque quase todos os dias. Faz parte do disco "Sobre Todas as Forças" de 1994. Segue a letra:




A Sombra da Maldade
(Gama/Garrido)

Eu sei
Que ela nunca mais apareceu
Na minha vida, minha mente, novamente

Eu sei
Que o que ficou não desapareceu
A minha vida muda sempre lentamente

E como a lua que dá voltas pelo céu
Que mexe tanto com o presente quanto o ausente

Eu sei, eu sei, eu sei
Eu sei, eu sei, eu sei
Não sou vidente mas sei
O rumo do seu coração

Permita, que o amor
Invada sua casa, coração
Que o amor
Invada sua casa, coração

Que o amor
Invada sua casa
Saia, não vaia
Não caia na navalha
Que corta a tua carne e sangra todo
O que você precisa descobrir

Vamos à andança...

"Sobre Todas as Forças" é o primeiro disco do Cidade Negra com Toni Garrido nos vocais. O cantor era uma das poucas referências que eu tinha do grupo, mas, mesmo não conhecendo os discos anteriores da banda, posso dizer que o trabalho de Garrido é notável, pois sua voz é suave, carismática e embala cada verso dessa canção com um toque de sabedoria e alegria que essa poesia pede. Ela foi escrita pelo próprio vocalista juntamente com o guitarrista Da Gama e traz uma das lições mais importantes já registradas numa canção: a resposta do amor para toda e qualquer questão. O refrão é um dos mantras que você pode e deve repetir diariamente como uma oração, pois só tem a te trazer luz e ternura. Garrido diz: "Permita que o amor invada sua casa, coração". Ele grita o "permita" de forma musicalmente ótima e repete a frase algumas vezes pra deixar bem claro. Deixe o amor invadir seu coração e sua mente. Use o amor em cada situação. Sempre que tiver que tomar uma decisão, escute seu coração e aja com amor. Use esse nobre sentimento até mesmo em resposta ao ódio. Um mestre budista me ensinou por quê tratar com amor até mesmo quem te odeia - uma lição pregada por Jesus em sua passagem pela Terra. Esse mestre zen disse que uma pessoa que age com ódio, faz isso por quê está transbordando ódio. Ela não precisa de mais ódio e sim de amor! É nessa hora que você, se estiver atento, pode deixar de lado seu orgulho, sua raiva e deixar o amor dominar suas ações. Responda com amor. Ouça Cidade Negra e deixe-o invadir sua casa, sem cair no ódio. Eles dizem, com maestria: "Não caia na navalha que corta sua carne e sangra todo que você precisa descobrir". Para que não se esqueça desse tesouro, escute essa canção. Ela tem um ritmo envolvente, tranquilo e gracioso. A levada da guitarra de Da Gama cria um reggae viajante, na qual a voz de Garrido só tem a enaltecer a viagem que começa falando sobre mudanças: "Eu sei que o que ficou não desapareceu, a minha vida muda sempre lentamente. Como a lua que dá voltas pelo céu e mexe tanto com o presente quanto o ausente". Nessa hora um jogo entre o vocal principal e os backings torna a viagem mais alegre: "Eu sei, eu sei, eu sei. Não sou vidente, mas sei o rumo do seu coração". É aí que entra o mantra sagrado-título desse texto. Junto com ele, a percussão de Lazão cuida para que as palavras não escapem da sua mente mais. Pode demorar até que você se dê conta, mas o conselho já estará fazendo efeito na sua vida, incrustado em alguma parede misteriosa e pouco acessada do seu cérebro, como aconteceu comigo. Consciente ou não, o fato é que, após ouvir essa obra, seu coração já estará maior, mais apto a abrigar e dispersar sempre o amor em todas as direções ;)

Nunca ouviu?

Permita que seus ouvidos ouçam isso. Escute:

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...