Mais um livro do Andarilho

Vida Dupla

09/02/2012

Carros, garotas e rock and roll (e uma capa maravilhosa)

É ótimo quando conhecemos o primeiro disco de uma banda e achamos sensacional. Mas é melhor ainda quando conhecemos o segundo album do grupo e descobrimos que é tão bom quanto o primeiro - ou quase tão bom, afinal o primeiro "é um caminhão", como diriam os amantes do Truco. É o caso de The Cars, cujo disco "Candy-O" de 1979 é tão fenomenal quanto o primeiro. Essa canção é do segundo disco, cuja capa é uma das mais belas artes já criadas para o mundo musical. Para que você aprecie a obra em seus mais ricos detalhes quebrarei a 2ª Grande Regra do Blog do Andarilho: a de que todas as fotos são em Preto e Branco. Segue a letra:




Double Life
(Ocasek)

it takes a fast car lady to lead a double life
it takes a slow star lady if you want to do it twice
you take your backseat rumble
take your frontseat wife
takes a fast car lady to lead a double life

it takes a light foot lady to lead a double life
it takes a good book maybe if you want to do it nice
when you idle at the stop light you better get the signal right
light foot lady, you need a double life

well, lift me from the wondermaze
alienation is the craze
and it's all gonna happen to you
you think it's a phase
and it's all gonna happen to you
when you drive in the haze

it takes a freeway lady to lead a double life
it takes some leeway lady if you want to do it twice
neon blinking on the street
everyone is bittersweet
freeway lady, you lead a double life

well, lift me from the wondermaze
alienation is the craze
and it's all gonna happen to you
you think it's a phase
and it's all gonna happen to you
when you drive in the haze
it's all gonna happen to you
(it's all gonna happen to you)
that's right I said
and it's all gonna happen to you
that's right well
gonna? say it to you-oo
(it's all gonna happen to you)
well that's right oh?
it's all gonna happen to you-oo, well
I said it's all gonna happen to you-oo-oo yeah
gonna tell ya again, I said
(it's all gonna happen to you) well

Vamos à andança...

Uma das boas campanhas de cerveja, embora ironicamente eu não lembre exatamente qual marca, ensinou: "Para bom entendedor, meia palavra basta". Com The Cars é assim. Para quem conhece um pouco, como é meu caso (apenas os dois primeiros discos), é fácil traçar a identidade sonora dos caras. Algumas músicas são explosivas e rápidas como um carro - e fazendo jus ao nome da banda - como é o caso de You're All I Got Tonight. Outras são suaves e inebriantes, como é o caso de Double Life. Ambos os tipos são altamente viajantes, é óbvio. Double Life segue a linha das canções mais tranquilas, porém com o clima envolvente e gostoso que a banda costuma criar. Responsável em parte, o guitarrista e compositor da obra, Ric Ocasek cria um ritmo delicioso com um riff simples ao fundo. A guitarra de Elliot Easton destila algumas cordas precisas e poderosamente viajantes em meio aos versos tranquilos. Os backing vocals, um dos pontos mais fortes da banda não deixam a desejar e mandam vários sussurros e gritos ótimos enquanto Ric solta a enigmática frase: "And it's all gonna happen to you" ("E isso tudo vai acontecer com você"). Misteriosa, aliás, é a poesia toda que conta metáforas que utilizam carros para descrever como é ter uma vida dupla. Interessante, mas não tanto quanto a viagem sonora causada pela instrumentação completa. Uma obra à altura de seu disco, que por sua vez é à altura de sua capa, que por sua vez é à altura do primeiro album da banda: nada menos que sensacional ;)

Nunca ouviu?

Entre nesse carro para viajar. Escute:

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...