Mais um livro do Andarilho

Socorro!

09/01/2012

Um apelo sincero e um rock de verdade

Toda virada de ano, a Kiss FM realiza o programa 500+. Nele, os internautas participam indicando sua música favorita. Eles votam em apenas uma. Os milhares de votos, organizam uma playlist com as 500 músicas preferidas dos amantes do rock. E em 2012 a grande campeã foi Help! dos Beatles. Em homenagem à essa escolha tão nobre do público, realizo a viagem de hoje com a canção título do álbum de mesmo nome, lançado em 1965. Segue a letra:




Help!
(Lennon/McCartney)

Help, I need somebody
Help, not just anybody
Help, you know I need someone, help!

When I was younger, so much younger than today
I never needed anybody's help in anyway
But now these days are gone, I'm not so self assured
Now I find I've changed my mind and opened up the doors

Help me if you can, I'm feeling down
And I do appreciate you being round
Help me, get my feet back on the ground
Won't you please, please, help me

And now my life has changed in oh so many ways
My independence seems to vanish in the haze
But every now and then I feel so Insecure
I know that I just need you like I've never done before

Help me if you can, I'm feeling down
And I do appreciate you being round
Help me, get my feet back on the ground
Won't you please, please, help me

When I was younger, so much younger than today
I never needed anybody's help in anyway
But now these days are gone, I'm not so self-assured
Now I find I've changed my mind and opened up the doors

Help me if you can, I'm feeling down
And I do appreciate you being round
Help me, get my feet back on the ground
Won't you please, please, help me, help me, help me, oh

Vamos à andança...

Uma das coisas interessantes que meu amigo Danilo Mr Work certa vez disse foi que ele "aprecia o rock, por ser uma música com sentimento". Prova disso, e do bom gosto dos ouvintes do rock é escolherem Help! como a primeira de 500 canções do rock. A música, escrita por John Lennon no auge dos Beatles, foi uma das mais sinceras que ele fez até então. Não que as canções amorosas de antes não fossem, mas seguiam uma linha mais comercial. Em Help! ele resolveu se abrir de vez. Falou de suas inseguranças, seus medos e literalmente pediu ajuda pra que trouxessem ele de volta. Observe o refrão: "Me ajude se puder, eu me sinto mal. E eu aprecio que você esteja por perto. Me ajude a colocar meus pés de volta no chão. Você não vai, por favor, me ajudar?" Muitos fãs dos Beatles acreditam que esse trecho se refira também sobre o abuso das drogras que John consumia, e seria um pedido de ajuda para que livrassem-no do vício. É provável. Todos precisamos de ajuda. E o fato é que o pedido sincero de John originou um dos refrões mais marcantes do rock, com uma acelerada perfeira na bateria de Ringo Starr, um trabalho de backing vocals dos mais maravilhosos do grupo (veja na introdução da obra) e um balanço legitimamente rock and roll. A acelerada pós-introdução mostra isso. John começa a cantar a letra rapidamente, enquanto a guitarra de George Harrison prepara a base ao fundo. O baixo de Paul McCartney se mantém sempre firme, mas ganha destaque mesmo no refrão, quando faz quase um dueto com a voz de John, soltando algumas cordas sensacionais. Isso é música com sentimento. E essa é a melhor música da virada de 2012 ;)

Nunca ouviu?

Socorro! Escute:

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...