Viaje neste blog

Publicidade

Tire tudo!

17/12/2011

"A banda mais pesada do mundo"

Desde que conheci a banda Big Cock sinto vontade de escrever sobre todas as músicas que conheço deles. Todas mesmo. O fato de não terem muito material na internet dificulta um pouco. Nem todas suas músicas estão no Youtube ou MySpace, muito menos as letras. Então resolvi fazer um esforço e dar aos caras um pouco mais do espaço que tanto merecem e comentar sobre mais uma canção deles, outra do disco "Year of the Cock", 2005. Segue a letra:




Take it Off
(Phillips / Mason)

You're like dancing on the dirty deeds
The Way you prime, drives me out of my mind
I wanna piss on your price

Oh, Start to show and I'm ready to go
Well, I don't want surprise

Take it all!
Take it all off
Take it all off cause I like it!
Take it all off now!

You try to chase me but on the overcode
I'd run my hands up on your prize
Sleep on the something but come to more
And tell me on the size

So pack that of to the lights down
You know I'm starting to rise

Take it all!
Take it all off
Take it all off cause I like it!
Take it all off now!

Take it all!
Take it all off
Take it all off cause I like it!
Take it all off now!

Vamos à andança...

Essa é mais uma canção exemplar do que havia de melhor no Hard Rock dos anos 80, porém executada muitos anos depois, com a melhor produção possível. Faz jus à alcunha do grupo - A banda mais pesada do mundo. Assim como Bad Motherfucker abre o disco mostrando peso, personalidade e agressividade (vide o título da mesma), Take It Off deixa claro que o que a banda quer mesmo é botar fogo no seu aparelho de som. No show dos caras devem entregar um blister de calmante para cada convidado, pois é tanta adrenalina e tanta paulada que os batimentos cardíacos não coneguiriam manter a frequência padrão. Take it Off ganha ainda mais pontos por manter uma base viajante e pesadíssima com a guitarra de David Michael-Phillips, o baixo potente de Mark Lehman e as pancadas mais que violentas de John Covington na bateria. Essa base conduzida pelo riff de Phillips se mantem em alto nível a música toda, excelente. De quebra ainda ganhamos os gritos de Robert Mason com sua voz aguda e rouca na medida perfeita, acrescidas de um eco ótimo. O cara não sossega um minuto e no refrão explode com os ótimos gritos: "Tire tudo! Tire tudo pois eu gosto!". A malícia mista com agressividade na voz do cantor são pontos altos mais uma vez. Cada "Take it All Off" é uma pedrada na orelha do ouvinte. Pra acordar e sacudir a cabeça com vigor. Quer coisa melhor? Então, vamos dar o play e curtir esse som revigorante ;)

Nunca ouviu?

Tire tudo e dê o play. Escute:

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...