Viaje neste blog

Publicidade

Você me hipnotizou

12/06/2011

Amor, música e lembranças

Mais um dia dos namorados chegou e trago à vocês um belo casal do Rock and Roll ainda inédito aqui no blog. Apesar de já ter comentado sobre o Blackmore's Night em outros posts (como na homenagem ao Mestre Ritchie Blackmore), ainda não havia uma merecida viagem deles aqui. Então começo com essa do disco "Fires at Midnight" de 2001. Segue a letra:




I Still Remember
(Blackmore)

I thought of you the other day
How worlds of change led us astray
Colors seem to fade to grey in the wake of yesterday
You looked into my eyes
You had me hypnotized
And I can still remember you

I had a dream of you and I
A thousand stars lit up the sky
I touched your hand and you were gone
But memories of you live on
You looked into my eyes
You had me hypnotized
And I can still remember you

Those moments spent together
Promising forever
And I can still remember you

Do you ever think of me?
And get lost in the memory?
When you do, I hope you smile
And hold that memory a while

You looked into my eyes
You had me hypnotized
And I can still remember you

Those moments spent together
Promising forever
And I can still remember you
Still remember you
Still remember you
Still remember you
Still remember you
Still remember you
Still...

Vamos à andança...

Blackmore's Night foi a terceira banda formada pelo grande e lendário Ritchie Blackmore. Depois do Deep Purple e do Rainbow, chegou a hora do guitarrista se unir a sua esposa, a cantora Candice Night. Blackmore sempre teve a fama de possuir um temperamento difícil. Suas desavenças com Ian Gillan, vocalista do Purple, por exemplo, ficaram famosas e envolviam termos que não podem ser publicados num texto de família. Não é fácil trabalhar com um gênio, essa é a verdade. Mas com o passar dos anos Blackmore encontrou alguém que poderia domina-lo e para quem ele não ousaria dizer uma única palavra feia: sua esposa, é claro! E não é que a parceria deu certo? O direcionamento mudou, é verdade, deixando de lado o Hard Rock que o consagrou e passou a seguir uma linha Folk e Renascentista que envolve até o visual da banda: praticamente bardos medievais vindos da idade média para nosso aparelho de som. Essa canção, por exemplo, com sua guitarra suave, batida tranquila e a bela afinadíssima voz de Candice, te conduz diretamente para um luau no pátio de algum castelo inglês ou escocês. O balanço é envolvente - te embala e faz você querer deitar na grama pra apreciar melhor o sereno e os instrumentos dos saltimbancos, que inclui até uma gaita de fole! Candice hipnotiza como dizem os versos bonitos: "Eu tive um sonho com você, milhares de estrelas cobriam o céu. Eu toquei sua mão e você se foi, mas a lembrança de você continua" e emenda o lindo refrão: "Você olhou nos meus olhos e me hipnotizou e eu ainda me lembro de você". A música tem como tema a boa lembrança do amor, seja de alguém que se foi ou que simplesmente está longe. O que importa é a certeza da narradora de que nunca esquecerá seu amado. Em se tratando de Blackmore, o mestre não deixa por menos e nos presenteia com mais um belo solo de guitarra. Perfeito. Homem e mulher, guitarra e voz num equilíbrio incrível que só pode ser criado pelo amor ;)

Nunca ouviu?

Permita-se ser hipnotizado pelo amor. Escute:

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...