Mais um livro do Andarilho

Espero te encontrar por aí

15/07/2010

Hoje cometerei uma gafe para alguns roqueiros. Uma gafe para alguns, um sacrilégio para outros. Para mim, nem tanto disso tudo e é exatamente por isso que escrevo esse texto. Espero que, com ele, eu consiga diminuir ao menos um pouco essa aparente gravidade para muitos fãs dos Skid Row. Vou falar de uma canção com a formação sem Sebastian Bach, de 2003, do disco "Thickskin". Calma, leia até o final... Segue a letra:





See You Around
(Bolan/Sabo/Johnson)

I never promised you the sunshine
you never handed me the moon
we're pulling threads out of our faded silver lining
we've grown out of our cocoon

The last train is leaving
there's nothing more than I can say
I didn't mean to bring you down
I guess i'll see you around

I left the best of my intentions
took it one day at a time
it's not like all is lost or that the world is ending
we've just fallen from divine

The last train is leaving
there's nothing more than I can say
I didn't mean to bring you down
I guess i'll see you around
will I see you around

Whatever direction we go
rest assured the one thing we know
things just didn't really go our way

It's not like all is lost or that the world is ending
we've just fallen from divine

The last train is leaving
there's nothing more than I can say
I didn't mean to bring you down
the last train is leaving
there's nothing more than I can say
I didn't mean to bring you down
I guess i'll see you around
will I see you around

Vamos à andança...

Um fato curioso que aconteceu comigo foi que conheci o Skid Row antigo e o novo de uma só vez. Quando meu bom amigo Renato me apresentou a banda, há muitos anos atrás, ele já me adiantou um pouco da história dos caras: sobre o sucesso enorme na década de 90, sobre a saída do vocalista e símbolo da banda, e a entrada de um novo vocalista desconhecido. De quebra me mostrou algumas músicas do chamado "Novo Skid Row". Acho que é por isso que nunca nutri nenhum ódio por John Solinger. O "Novo" nesse título da banda é devido à sua entrada no grupo (há quase 10 anos diga-se de passagem) para substituir um vocalista considerado por muitos, como insubstituível: Sebastian Bach. Depois dessa troca de integrantes Skid Row nunca mais foi o mesmo, nem para a própria banda e muito menos para os fãs - taí o por quê da necessidade em qualidifca-los como "antigo" e "novo". A pegada deles deixou um pouco de lado as raízes metais e o hard rock e passou a aventurar-se num rock mais Punk ou em alguns momentos até Pop. Quase nenhum fã do antigo Skid Row aprovou a nova direção da banda. Tirando o grande Renato e eu mesmo, não conheço ninguém e isso se reflete no ostracismo dos caras por aqui e as baixas vendas dos últimos CDs. Para ilustrar um pouco, em 1992, liderados por Bach, os caras lotaram o Maracanã no auge de suas carreiras. Já em 2009, eles vieram pra cá com Solinger nos vocais e foram tocar no Manifesto Bar para algo em torno de 200 pessoas. Admito que fico um pouco chateado ao ver tamanha diferença na carreira de uma das bandas que mais me inspira até hoje. Solinger não tem a mesma capacidade aguda de Bach? Não, não tem. Mas e a banda como um todo? Snake ainda está lá, fazendo seus riffs ótimos. Hill ainda faz seus solos incríveis e que já fizeram muita gente chorar e Bolan continua um exímio baixista. O baterista é outro, diferente da época do "Clássico Skid Row", mas ninguém lembra de Rob Afuso. Os méritos todos foram embora, junto com Sebastian Bach e seus gritos inalcançáveis. Não são todos que aceitam as evoluções em uma banda. Alguns nem consideram essas como evoluções de fato. Muitos, por exemplo, preferiam o antigo thrash Metallica à refinada versão pós "Black Album" e não duvido que quando os Beatles apareceram bigodudos com um álbum como "Sgt. Peppers" nas lojas não houveram aqueles fãs que desejariam que os garotinhos inocentes continuassem inocentes até o fim de suas vidas. À esse tipo de fã, que despreza imensamente o "Novo" Skid Row, peço um único favor enquanto encerro essa viagem: ouça See You Around - ao menos uma vez ;)

Nunca ouviu?

Entenda agora o que quis dizer com "evolução". Escute:

Um comentário:

Raphael disse...

primeiramente...fiquei bem loco lendo esse texto branco num fundo preto....to vendo linhas atá agora...O.o

Oq posso dizer com relação a essa andança...
Na minha opnião(não conheço skid row nem novo nem antigo)...mas acredito que as "duas" bandas tenham SIM valores distintos...O grande problema do Fã de Metal/Hard Rock é que ele num evolui...ele acha(generalizo MEMO...FUCK OFF)...que o melhor disco é aquele, e os caras ficaram POP ou se perderam no caminho...em alguns casos eu concordo (silverchair por exemplo)...mas em outros eu acho que a banda muda por tratar-se de músicos(humanos)..nós não somos os mesmos pra sempre...e os músicos tb não...por isso acredito que exista evolução(vide bandas como PEARL JAM)...e digo mais...O brasileiro não sabe apreciar musica...evidente a nossa falta de bandas de qualidade no momento...a grande massa não tem capacidade para digerir um blues do Fernando Noronha ou um solo de teclado do deep purple...eles estão mais preocupados em entender oq os caras tão falando...ou seja ...enqto não tivermos feeling pra entender oq se passa com nossas bandas...continuaremos cegos e DUMBS para a música tanto mundial qto brasileira...abs andarilho

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...