Mais um livro do Andarilho

Delírio em Dixieland

04/10/2009

Quase ninguém conhece essa... Fui um dos sortudos que achou por acaso (veja a história aqui) essa banda country que veio direto do estado americano com o mesmo nome: Alabama. Quando senti vontade de ouvir aquele country clássico, foi o Alabama que me satisfez e até hoje me acompanha quando essa vontade volta, como aconteceu uns dias atrás. Essa é de 1983. Segue a letra:





Dixieland Delight
(Rogers)

Rollin´ down a backwoods
Tennessee by way
One arm on the wheel
Holdin´my lover with the other
A Sweet, soft southern thrill
Worked hard all week
Got a little jingle
On a Tennessee Saturday night
Couldn´t feel better
I´m together with my Dixieland Delight

Spend my dollar
Parkin´ a holler neath the mountain moonlight
Hold her up tight
Make a little lovin´
A little turtle-dovin´on a Mason-Dixon night
Fits my life oh, so right
My Dixieland Delight

White-Tail buck deer
Munchin´on clover
Red-tail hawk
Sittin´ on a limb
Chubby old groundhog
Free as a feeling´in the wind
Homegrown country girl
Gonna give me a whirl
On a Tennessee saturday night
Lucky as a seven livin´ in heaven
With my Dixieland Delight

Spend my dollar
Parkin´ a holler neath the mountain moonlight
Hold her up tight
Make a little lovin´
A little turtle-dovin´on a Mason-Dixon night
Fits my life oh, so right
My Dixieland Delight.

Vamos à andança...

Como eu disse no post do Lynyrd Skynyrd (um dos melhores) achei o Alabama sem querer na internet e me tornei grande fã dos caras. Naquela época eu fui dominado pelo espírito aventureiro e solitário dos cowboys americanos. Cowboys também são andarilhos, por que não? Aliás ainda acho fascinante aquelas cavalgadas nos campos - somente um cara, seu cavalo, o amor pela natureza e a sorte de ver cada dia uma paisagem incrível diferente. Alguns sentem saudade de casa ou de sua amada, numa temática forte presente no country (como nessa música), mas a aventura é sempre marcante. O Alabama me faz viajar pra esses lugares, sempre que eu preciso. Essa canção é a primeira que eu ouvi deles, e por isso marcou muito essa ligação com o mundo western. Também me lembra do meu irmão e meu primo que ouviam bastante ela. Começa com um som tranquilo, bem suave, lembrando uma noite no campo, então quando entram as vozes numa sintonia impecável você imagina essa noite com uma rodinha de cowboys em volta da fogueira, cantando pra tornar a noite mais alegre. A letra narra um retorno do vaqueiro e sua esposa pra sua "querida terra do sul", por isso ele está feliz, satisfeito e completo, com seu amor e sua terra. No começo diz algo assim: "Trabalhei duro a semana toda, aprendi uma canção, numa noite de sábado no Tennessee. Não poderia me sentir melhor. Afinal, estou junto da minha querida terra do sul". Pra detalhar melhor o cara faz uma descrição precisa dos animais que estão por perto naquele lugar. Como eu disse, a música toda é cantada por várias vozes em timming perfeito, inclusive na excelente acelerada que a música toma no final. Coisa de nível. Também tem direito há um solo... ou melhor um festival de violino, coisa que só o bom e velho country tem pra mostrar ;)

Obs: Eu nunca tinha prestado atenção em uma das outras canções do Alabama que diz na letra "I hear Skynyrd playing 'Sweet Home Alabama'" e há um trechinho de piano em homenagem à esse hino do Lynyrd Skynyrd. Fique intrigado com essa ligação pois conheci as duas bandas juntas na mesma ocasião. Muito legal ;)

Obs2: Confira no meu Deviant Art uma pequena história em quadrinhos de 4 páginas baseada numa letra do Alabama, chamada "The Bordeline" ou "A Linha de Fronteira" que com certeza será comentada em breve aqui ;)

Nunca ouviu?

Sente-se próximo à fogueira, tire o chapéu e aprecie. Escute:

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...