Viaje neste blog

Publicidade

Desejo

07/04/2009

Desejo. Queimando. Nunca essas palavras foram tão bem expressadas como nessa clássica do U2, e diga-se de passagem, minha música favorita deles. Faz parte do meu também favorito álbum da banda "Rattle and Hum" de 1988, recomendadíssimo, tanto o álbum como o filme homônimo em preto e branco disponível em DVD atualmente. Segue a letra:





Desire
(Bono/Claytom/Edge/Mullen)

Lover, I'm off the streets
I'm gonna go where the bright lights
And the big city meet
With a red guitar, on fire
Desire.

She's the candle burnin' in my room
Yeah, I'm like the needle
The needle and spoon
Over the counter, with a shotgun
Pretty soon, everybody's got one
I'm in a fever, when I'm beside her
Desire
Desire.

And the fever, gettin' higher
Desire
Desire.
Burning, burning.

She's the dollars
She's my protection
Yeah, she's the promise
In the year of election.
Sister I can't let you go
Like a preacher stealin' hearts at a travellin' show
For love or money, money, money,
Money, money, money, money.

And the fever, gettin' higher.
Desire.

Vamos à andança...

"Com uma guitarra vermelha, em chamas". Olha que verso mais significativo. Qualquer sonho de infância de qualquer jovem é ser um monstro da guitarra e se possível, uma guitarra vermelha e em chamas. Isso é desejo. Desejo queimando. E quanto ao "sobre o balcão, com uma shotgun, muito em breve, todos terão uma"? Uma cena cinematográfica de se debruçar no balcão de um bar - ou saloon se você é fã de faroeste - com uma espingarda na mão. Quem não queria protagonizar uma cena dessas? Isso é desejo. E queimando. E o melhor de tudo é Bono vibrando "And the fever, gettin' higher. Desire". É subjetivo à quem ele se refere quando usa a palavra "ela" em versos como "ela é os dólares", "ela é minha proteção" ou até "ela é a vela queimando no meu quarto". Imagino que ele se refira ao próprio desejo, ou quem sabe à espingarda? Seria igualmente interessante se fosse à respeito da guitarra vermelha (e em chamas, não se esqueça). Mas a única coisa que eu não imagino é uma mulher mesmo, mas quem sabe? Sei que com esse riff do Edge fica fácil esquecer qualquer hipótese, sem falar na bateria e baixos perfeitos do início ao fim. Quando Bono grita a palavra "Sister" mostra que cantar não é pra qualquer um. Teria como a música ficar melhor? Só com um solo de gaita, e é o que pra nossa alegria acontece, um excelente solo pra fechar a balada com chave de ouro. E esse solo eu sei tocar. Quisera eu tocar numa gaita em chamas. Desejo queimando ;)

Nunca ouviu?

Acho difícil, mas em todo caso... Escute:

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...