Viaje neste blog

Publicidade

Lovin' Man

26/04/2009

Quem me conhece sabe que eu assumo: não gosto de rock nacional. Claro que há exceções, mas acho que o Brasil não tem muito a ver com o rock ou blues e por isso não valoriza as bandas boas que se apresentam por aí nos rock bares fazendo um som decente. Só valorizam aquele seleto grupo de bandas que se consagrou no passado e só aparece novo aqui quem vai lá no faustão ou na MTV graças à alguma indicação de alguém lá de dentro e aí eles fazem de tudo pra nos empurrar essas músicas medíocres. Por isso vou apresentar aqui a banda Fernando Noronha & Black Soul, uma dessas bandas extremamente competentes que atuam sem tanta fama por aqui, mas que merecidamente é bastante aplaudida no exterior. Essa música é a que abre o CD de 2005: "Bring It". Segue a letra:




Lovin' Man
(Noronha)

Don't cry baby
I'm on my way

I'm gonna make you happy
I'm gonna make you say
You are the water of my thirst
You are the sunshine of my course

Don't you know
I'm your loving man

I come from miles away
Give you what you don't have
Like magic I'll be gone
You'll be back to your happy home

I'll bring you satisfaction
Satisfaction guaranteed
Treat me right like you know you should
I'll give what you need

Vamos à andança...

Essa é mais uma das bandas que conheci através do Vaz, meu amigo. Valeu de novo Vaz! O Fernando Noronha & Black Soul é do Rio Grande do Sul e faz um som excelente que faz lembrar os gigantes do rock'n'roll com uma mistura do melhor do blues. Essa música abre com um riff excelente do Noronha que dá lugar pra uma arma sendo engatilhada (genial) e depois o riff recomeça. A bateria excelente - no CD inteiro, diga-se de passagem - mostra que a música não é brincadeira. Noronha então solta a boa voz, potente e com direito até ao sotaque americano do blues. Essa letra traz um homem que vem pra conquistar sua querida se auto-proclamando seu "homem do amor". Destaque nesses versos cheios de amor e confiança: "Eu vou fazer você feliz, vou fazer você dizer que eu sou a água para sua sede. Que eu sou a luz da sua direção". E a ótima estrofe: "Vou te trazer satisfação. Satisfação garantida. Trate-me como você sabe que deveria. E eu te darei tudo que você quiser". Entendeu? Te darei tudo que você quiser. Fernando Noronha, além de bom letrista é um guitarrista de mão cheia e nos presenteia com um solo maravilhoso. O baixo também é fenomenal e representa em boa parte do CD. O telcado então, nem se fala... Repara só no final, o baixo e teclado juntos fazendo a base pro solo. É de fazer chorar... Só uma banda de nível realmente bom pode fazer isso. Por curiosidade, a banda está na estrada desde 1995. Uma achado valioso. Como eu costumo comentar - e provocar: a banda é tão boa que nem parece que é brasileira. Se essas bandas fossem mais valorizadas aqui quem sabe esse conceito não poderia mudar... Mas por enquanto tudo que podemos dizer é: "Não chore, querida. Estou à caminho". ;)

Nunca ouviu?

Clique aqui para ir ao site da banda. Lá há um player onde você poderá ouvir não só essa, mas todas as músicas deles. A "Lovin' Man" é a que já começa tocando. Bom proveito!

Se quiser ver a versão ao vivo aqui está. Escute:

3 comentários:

Anônimo disse...

Pode-se dizer que os caras fazem rock de primeira, muito melhor até que muita banda internacional. As músicas deles são de fazer chorar, seja de empolgação ou de dor. Valeu por ter engrandecido meu conhecido músical com essa banda sensacional!

Abraço,
Renato

Andarilho disse...

Pode cre! Nao deixam nada a dever em termos de qualidade. Valeu pelo comentario. Foi só uma retribuição pelas bandas q vc me apresento. Em breve rola um Dispatch aqui, hahaha
Abraço!

Renato disse...

Realmente, Dispatch está a altura do seu blog! Hehehe
Quanto a observação de bandas nacionais, também tenho algo a dizer: A mídia faz um esforço enorme para o sucesso dessas bandas meramente Pops. Elas ganham visibilidade na mídia ao serem empurradas pelas grandes gravadoras, que conseguem uma exibição tão exaustiva de suas crias que acaba abafando as bandas realmente boas, e por falta de conhecimento musical, os fracos acabam gostando dessas músicas sem alma... Essas bandas ganham mais fama pelo estilinho de punk rock, surfistinha carioca, rebeldes, ou qualquer coisa assim do que pela música que fazem. Repito: música sem alma.
Difícil acreditar que uma banda que faz um som de qualidade como Fernando Noronha não tem o mesmo espaço na mídia.

Abraço
Renato

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...